Google+ Followers

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Dinâmica: Quem é o nosso próximo?

Explicar que praticamos a Lei de Justiça, Amor e Caridade quando fazemos ao nosso próximo o que gostamos que façam conosco. Mas “Quem é o meu próximo?”

Formar uma roda com todos de mãos dadas, escolher uma criança que será vendada.
Colocar uma música animada. Eu optei pela música Obesidade Moral (Faixa 21 do CancioneiroEspírita 1), porque trabalhamos a Lei de Liberdade junto com a Lei de Justiça, Amor e Caridade.
Formar um túnel dando as mãos para o evangelizando vendado, a roda deve passar por dentro do túnel formado, em um determinado momento abaixar o braço prendendo alguém. A criança vendada deverá perguntar “Quem é você?” e a que foi pega deverá responder “Sou o seu próximo.”, quem está de olhos vendados tentará adivinhar, pela voz quem é o capturado, dizendo-lhe o nome, se não conseguir poderá tocar nas mãos, no cabelo e nas orelhas e por fim podemos dar alguma dica.
Repetir, trocando a posição da criança vendada com a que foi pega, até que todos tenham sido vendados ou que percam o interesse pela brincadeira.

Caixa do Jacaré

Temos na nossa sala a Caixa do Jacaré, ele é o guardião dos objetos que atrapalham a aula. Recolhemos e colocamos dentro da caixa e no fim da aula as crianças pegam os objetos.
Usamos o jacaré numa homenagem ao nosso querido Jacaré Poió.
Não tenho o passo a passo, mas é muito fácil de fazer, pelas fotos vocês poderão ter uma ideia.
Usei:
01 engradado de papelão verde para ovos, desses que encontramos nos supermercados, para fazer a cauda e as costas.
1/2 caixa de papelão verde para ovos para fazer a cabeça,
01 caixa de bombom para o corpo
01 caixa de sapato.

Pintei tudo com tinta verde, para uniformizar a cor. Os olhos e os pés eu fiz com a embalagem de ovo também. Agora é só usar a sua criatividade.





Atividade: Lei de Liberdade


Após contar a história dos irmão Breno e Bruno, apresentar um cartaz, colocando os bonecos juntos em casa.



Pedir ajuda às crianças para irem lembrando tudo o que aconteceu. Conforme eles forem falando sobre as escolhas dos irmão, ir acrescentando no caminho que foi escolhido.

Reforçar que o caminho mais fácil, que é mais largo e que não tem dificuldades, é um caminho triste, no fim encontramos a porta larga, que todos podem passar por ela sem esforço.
O caminho mais difícil, que é mais estreito e cheio de obstáculos, é um caminho feliz, no fim encontramos a porta estreita, temos que nos esforçar para passar por ela.


Usei figuras para fazê-los entender como Breno venceu os obstáculos que foram surgindo em seu caminho:
- Para vencer as pedras da MÁGOA, ele fez um desvio de PERDÃO.
Contra a chuva do EGOÍSMO, ele abriu o guarda-chuva da CARIDADE.
Diante da montanha de TRISTEZA, ele usou o túnel da FÉ, que remove montanhas.
E para passar pelo rio do ORGULHO, ele usou a ponte da HUMILDADE.

As crianças gostaram muito dessa atividade.

História sobre a liberdade de escolha

Essa história foi adaptada, eu vi no http://lubeheraborde.blogspot.com.br/2011/08/porta-estreita.html e resolvi usar na minha aula, mas acabei fazendo algumas mudanças.

Apresentar os dois bonecos iguais e contar a história.

Eles são irmãos gêmeos, nasceram na mesma família, moraram sempre na mesma casa, receberam a mesma educação, estudaram na mesma escola, mas quando cresceram... Cada um seguiu um caminho diferente.

O Breno sempre foi um menino bom e todos gostavam muito dele. Ele sempre PERDOAVA as pessoas que o magoavam, por isso ele tinha muitos AMIGOS. Aprendeu com seus pais a ser útil e quando via alguém precisando de uma ajuda, ele não deixava o egoísmo chegar e fazia a verdadeira CARIDADE, repartindo o pouco que tinha. Breno tornou-se um homem HONESTO e TRABALHADOR. Se ficasse triste por algum motivo, logo fazia uma prece, pois tinha FÉ em Jesus e sabia que Jesus sempre ajuda a quem pratica a BONDADE. Breno possuía a melhor de todas as virtudes, a HUMILDADE, que ele cultivou deixando o orgulho de lado.

E seu irmão Bruno era bem diferente, desde pequeno tinha dificuldade para fazer amigos, pois era EGOÍSTA, não dividia seus brinquedos e tinha INVEJA das coisas dos outros. Começou a FUMAR e a BEBER muito cedo. Bruno era MENTIROSO, gostava de ENGANAR as pessoas. Ele guardava muito RANCOR em seu coração.

Explicar que acabamos de ouvir a história de duas pessoas que fizeram escolhas diferentes em suas vidas. Apesar de serem irmão e terem recebido a mesma criação, a mesma educação, em determinado momento eles usaram sua liberdade para escolher qual caminho seguir.

Para ajudar a entender melhor a história, usar um cartaz que está nesse link http://trabalhoparajesus.blogspot.com.br/2013/08/atividade-lei-de-liberdade.html.